.

Acessibilidade

Aumentar Fonte
.
Diminuir Fonte
.
Fonte Normal
.
Alto Contraste
.
Libras
.
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Mapa do Site
.
Acesso à informação
.

Segunda à Sexta-feira, das 08:00h às 17:00h.

Idioma

Português

English

Español

Francese

Deutsch

Italiano

Administração - Terça-feira, 23 de Junho de 2020

Buscar Notícia

Notícias por Categoria

Procon-SP registra quase 1.400% de aumento no atendimento ao público

De acordo com o Procon Agudos, o aumento de preços de itens considerados essenciais no período de avanço da doença, como alimentos, álcool em gel, botijão de gás e máscaras de proteção está sendo combatido


Procon-SP registra quase 1.400% de aumento no atendimento ao público

Desde o início da pandemia da Covid-19, já foram registrados mais de 17 mil atendimentos no Estado de São Paulo, incluindo dados de Agudos, em atendimento a consumidores com problemas ou dúvidas relacionados à doença, segundo o Procon local. O dado revela um aumento de 1.390% em relação ao dia 13 de março, quando foram registrados 1.150 atendimentos.

Das consultas registradas, 6.743 são reclamações, ou seja, conflitos com fornecedores; 6.392 são denúncias de preços abusivos e outros assuntos feitas via redes sociais e 4.037 são pedidos de orientação. 

Além de intermediar as reclamações, buscando um acordo entre consumidor e fornecedor, orientar individualmente os consumidores e fiscalizar as denúncias que chegam via redes sociais o @proconsp disponibilizou o hotsite coronavírus com informações específicas sobre o tema, tem ministrado aulas semanais na TV Procon, realizado reuniões com fornecedores de diversos setores e aplicado multas aos estabelecimentos que infringem a legislação.

As equipes de fiscalização visitaram até o momento mais de quatro mil farmácias, supermercados, hipermercados e outros estabelecimentos de 242 cidades do Estado e notificou 89% dos locais a apresentarem notas fiscais para verificação da prática de preços abusivos. As multas aplicadas até o momento somam R$ 3 milhões.

De acordo com o Procon Agudos, o aumento de preços de itens considerados essenciais no período de avanço da doença, como alimentos, álcool em gel, botijão de gás e máscaras de proteção está sendo combatido pelo @proconsp.

Para denunciar o consumidor que se deparar com algum valor de produtos ou serviços relacionados ao coronavírus que considere abusivo deve registrar reclamação junto ao @proconsp. O fornecedor será multado caso a infração seja constatada. O @proconsp disponibiliza canais de atendimento à distância para receber denúncias, intermediar conflitos e orientar os consumidores: via internet (www.procon.sp.gov.br), aplicativo – disponível para android e iOS – ou via redes sociais; para as denúncias, marque @proconsp, indicando o endereço ou site do estabelecimento. 

Em Agudos, também é possível denunciar sem sair de casa, por meio do número de whatsapp (14) 3262-0650. Para isso, o consumidor adiciona o número em seu celular como contato, ao aparecer a identificação Procon Agudos, já poderá conversar com um dos técnicos, que poderá sanar as dúvidas e registrar a denúncia.

932 Visualizações

Notícias relacionadas

Voltar para a listagem de notícias

.
.

Calendário de eventos

.
.

Acompanhe-nos

.
.

Prefeitura Municipal de AGUDOS - SP.
Usamos cookies para melhorar a sua navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies e Políticas de Privacidade.